© 2016 por Alessandra Rigazzo. Criado com Wix.com

Posts Recentes

Guia de cores para leitura da Bíblia

7.2.2018

 

Uma das metas que estabeleci para este ano é a leitura da Bíblia. Calma, eu leio a Bíblia desde que comecei a conhecer as letras. Tenho uma lembrança muito clara do meu primeiro exemplar da Bíblia, bem como da leitura vagarosa que eu fazia em voz alta nas reuniões de culto infantil e escola bíblica dominical durante meu processo de alfabetização ainda.

 

O que quero dizer com leitura bíblica como uma meta, ou ainda, como um hábito a desenvolver ao longo deste ano, é ler mais e estudar mais a Bíblia. Uma leitura mais focada,  com mais tempo e estratégias dedicadas à interpretação, estudo, reflexão, e memorização. Quando digo memorização não faço referência à habilidade de recitar palavras decoradas, e sim, à condição de ser capaz de me lembrar de expressões significativas ao longo do dia e passagens bíblicas no decorrer dos acontecimentos da minha própria vida a fim de aplicar os conhecimentos e e reflexões feitos durante o tempo de leitura devocional.

 

Estou usando o plano de leitura da Bíblia que está no Meu Plano Perfeito. Se você ainda não  conhece o planner, saiba que ele tem uma aba com o tema "Fé" com várias sugestões sobre o assunto. Vale a pena conferir!

 

Durante a faculdade tive um professor  que dizia "só diga que você realizou a leitura de um texto após lê-lo ao menos 3 vezes". Ele perguntava aluna por aluna: leu  texto? E para quem respondia "li 1 vez" ou "li 2 vezes" ele dizia: "então não leu!". Levei esse conceito para a vida. 

 

Geralmente, na primeira leitura fazemos uma decodificação das letras, temos um panorama do assunto tratado. Durante a segunda leitura, destacamos trechos importantes, grifamos conceitos e anotamos nossas interrogações. Já na terceira leitura, estamos mais familiarizadas com o assunto e termos, definimos o significado das palavras desconhecidas e somos capazes de refletir e até responder as duvidas levantadas na leitura anterior.

 

E é assim que quero seguir com minha leitura bíblica durante este ano. O próximo passo, após a leitura (em suas 3 etapas), é o estudo, este sim é mais aprofundado e requer mais material e técnicas, podendo ser realizado com o plano de leitura da Bíblia ou com um tema específico em paralelo.

 

Como o assunto hoje é a leitura, vou compartilhar sobre como tenho feito. Estou usando um guia  para colorir os trechos conforme o tema. Esta prática tem me auxiliado a  concentrar realmente no que estou lendo, ao contrário de tantas vezes em que li e ao chegar no final da página percebi que já não me lembrava do assunto, e estava pensando em alguma coisa qualquer que tinha para resolver.

 

Não existe um jeito certo ou específico de fazer, nem regras complicadas. Trata-se apenas de uma ferramenta que na minha opinião deixa a leitura interativa, dificultando que minha mente faça uma leitura mecânica e comece a divagar. É ser intencional!

(Minha caixa de lápis aquarela é bem antiga, então não procure usando essa imagem como modelo)

 

Como funciona? Selecionamos algumas categorias e atribuímos cores para elas. Conforme fazemos a leitura, vamos colorindo as palavras e frases com base no guia das cores. A primeira vez vai parecer um pouco complicado ou trabalhoso, mas não se prenda a colorir com perfeição (não é uma aula de artes, ok?!) nem mesmo em gastar minutos tentando encaixar aquela frase na categoria certa. Claro, faça o seu melhor, mas o mais importante é você ficar envolvida com a leitura e a reflexão da Palavra. 

 

 

 

Lembro-me de ver meu pai fazer isso na Bíblia dele quando eu era criança, eu acha tão bonitinho e muito sério  também (como ele sabia a cor certa para cada versículo?!?) Mas quando cresci desenvolvi a "síndrome do livro intacto" e não aceitava a ideia de escrever nos livros e nem na Bíblia. Hoje, já me libertei disso (será a idade?!) e não estou preocupada em guardar meus livros de forma intacta, pelo contrário, estou me preocupando em explorá-los ao máximo, sobretudo aquele que veio diretamente de Deus para mim.

 

Os melhores lápis para colorir as páginas fininhas da Bíblia são os aquarela, pois são extra macios e mesmo usando um traço leve deixam a cor forte. 

 

 

 

Para obter uma cópia do guia de cores, basta baixar gratuitamente o documento que fiz para você. Depois é só imprimir e deixar sempre dentro da Bíblia ou junto com os lápis de cores.

 

Baixar o Guia de cores para leitura da Bíblia clicando aqui.

 

 

Vem fazer companhia pra gente  lá no Instagram @alessandrarigazzo e @meuplanoperfeito


 

Compartilhar no Facebook
Twitter
Curtir
Please reload

Recentes

December 9, 2018

August 24, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

  • Facebook Basic Square
  • Snapchat Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • Twitter Basic Square

Alessandra Rigazzo

Intencional até nas pequenas coisas